300 participantes no arranque da 3ª Edição do Tourism Explorers

A fase de Ideação do maior programa nacional de criação e aceleração de startups na área do Turismo arrancou esta quarta-feira e conta com a presença de 300 participantes.

300. É este o número de participantes da fase de Ideação do Tourism Explorers, que arrancou esta quarta-feira, em 12 cidades diferentes, em simultâneo, e que termina já esta sexta-feira, dia 13 de setembro. A fase de Aceleração terá início a 24 de setembro e contará com a presença de equipas criadas na Ideação.

André Faria, gestor do Tourism Explorers, e Cristina Salsinha, Senior Product Manager do Turismo de Portugal, foram os responsáveis por dar as boas-vindas aos participantes.

Cristina Salsinha falou, ainda, sobre o Turismo de Portugal, as suas principais áreas de competência e metas para 2027, sobre as tendências dos consumidores e os desafios “que são prioridade para a atividade do Turismo em Portugal” e que vão ser trabalhados pelos participantes, ao longo destes três dias. Os desafios estão relacionados com:

  • Mobilidade e o consumo sustentável de empresas e turistas;

  • Seamless experience ao longo do ciclo de viagem do turista;

  • Segmentação e personalização das estratégias digitais das empresas e dos destinos;  

  • Otimização das operações de negócio das empresas ao nível da gestão e comercialização;

  • Valorização dos ativos estratégicos da Estratégia Turismo.

Para Cristina Salsinha, programas como o Tourism Explorers ajudam a fomentar “o desenvolvimento de novas ideias e de novos modelos de negócio no turismo, que contribuem para a melhoria das experiências nos destinos e para a melhoria da competitividade das empresas nacionais”.

José Arthur Vasconcelos, Mentor e Advisory Board Member da Fábrica de Startups, é o formador da Ideação, responsável por orientar e ajudar os participantes a criar uma ideia de sucesso na área do Turismo.

Este programa é transmitido em live streaming, a partir de Lisboa para 11 cidades diferentes (Abrantes, Angra do Heroísmo, Aveiro, Caldas da Rainha, Coimbra, Covilhã, Évora, Faro, Portalegre, Porto e Setúbal), e para isso a Fábrica de Startups conta com o apoio de vários parceiros, como as Escolas do Turismo de Portugal, a Portugal Ventures, a StartUp Angra, Universidade da Beira Interior (UBI), o Parkurbis, o Tagusvalley, a Universidade de Aveiro, o PCI · Creative Science Park Aveiro Region, a TERINOV ou a Universidade de Évora.

O Tourism Explorers é um programa organizado pela Fábrica de Startups, em parceria com o Turismo de Portugal, que tem como objetivo promover o empreendedorismo em Portugal, através da criação e apoio ao desenvolvimento de novas startups relacionadas com o setor do turismo.